Conheça a Cidade

//Conheça a Cidade
Conheça a Cidade 2019-08-02T14:35:53+00:00
Dados Socioeconômicos de Cachoeirinha
Gentilico Cachoeirinhense
Área de Unidade Territorial 179,268 km²
População Estimada 20.258 Habitantes
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal – IDHM 0,579
PIB per capita R$ 5.974,44 reais
Fonte: Wikipédia/IBGE

A área onde hoje fica a cidade de Cachoeirinha era uma fazenda, de igual nome, que pertenceu ao sargento-mor Antônio Fagundes Bezerra e, posteriormente, foi adquirida por Antônio Vieira de Melo. Há registros de que, em 1863, o povoado pertencia à Freguesia de São Bento.

O Distrito foi criado, sob a denominação de Cachoeirinha, pela lei municipal nº 15, de 21/11/1892, subordinado ao município de São Bento. Elevado à categoria de Município, também sob a denominação de Cachoeirinha, pela lei estadual nº 73.309, de 17/12/1958, desmembrado de São Bento do Una.

O Município foi instalado em 01/03/1962. O nome Cachoeirinha decorre da existência de uma pequena cachoeira, nas proximidades da cidade, formada por um afluente do Rio Una. Quem nasce em Cachoeirinha é cachoeirinhense.

Dados gerais

Localização: Agreste Central, distante 174 km do Recife.
Área: 170 km2
Solo: Argiloso
Relevo: Plano e suave ondulado
Vegetação: Caatinga hipoxerófila
Precipitação pluviométrica média anual: 551,0 milímetros
Meses chuvosos: Maio – Junho
População: 18.833 habitantes (IBGE 2010)
Eleitorado: 15.300 eleitores (TRE 2010)
Dia de feira: Quinta-feira
Data de comemoração da emancipação política: 21 de novembro
Padroeiro: Santo Antônio

Base econômica

Pecuária, agricultura e comércio. Localizada na Bacia Leiteira do Estado, Cachoeirinha também é conhecida como a Cidade do Leite, terra de queijos famosos. Além do couro, o artesanato em aço também é destaque e, entre as peças mais vendidas, estão a espora, o estribo e outros apetrechos úteis aos cavaleiros.

Apesar de ser um dos maiores núcleos da bacia leiteira do estado, Cachoeirinha conserva a tranquilidade da vida do interior, onde o carro de boi ainda tem espaço.

É conhecida como a terra dos Arreios em Couro e Aço, em razão da tradicional manufaturação artesanal de arreios e peças para o uso em animais de montaria, principalmente cavalos, sendo conhecida em todo Brasil e parte do exterior. Também são famosas sua “carne de sol” e queijo coalho e de manteiga, pela excelência de seus sabores. Além disso, a economia da cidade é movimentada pelo comércio, destacando-se a feira de gado, realizada semanalmente, às quintas-feiras, sendo a segunda maior de Pernambuco